Google Apps + Startups = Lucro!

Muito bem, com a (auto) justificativa de se iniciar um blog já resolvida, posso começar a escrever algo sério aqui.

Se você está iniciando seu próprio negócio e está preocupado com custos, começar a sua infra-estrutura de TI com um empurrãozinho de serviços Web 2.0 da Google não atrapalha nada. Como é que disse Sir Isaac Newton?

Se eu vi mais longe, foi por estar de pé sobre ombros de gigantes.

Não sei quanto a você, mas a Google é gigante o bastante para mim.

Muitos serviços e produtos que há muito tempo eram muito bem pagos, podem ser agora desfrutados gratuitamente ou a um preço bem camarada usando-se o Google Apps.

Por exemplo:

  • Hosting do web site de sua empresa – Google Sites;
  • Servidor de e-mail – Google Apps Email;
  • Servidor de calendário – Google Apps Calendar;
  • Servidor de diretório corporativo – Google Apps Contacts;
  • Servidor de chat corporativo – Google Apps Chat;
  • Pacote de Edição de Textos, Planilhas e Apresentação – Google Apps Docs;

Todos os serviços acima, entre outros, são disponibilizados em duas versões: Permier Edition (US$ 50/ano/usuário) e Standard Edition (gratuito). A lista completa e comparação das funcionalidades pode ser vista aqui.

Uma das desvantagens deste tipo de serviço é que seus dados ficam em um servidor fora do seu controle. Mas isso também é uma vantagem, pois não ter que se preocupar com o hosting ou colocation, administração e backup de servidores significa mais economia ainda, o que é essencial no caso de startups com restrições de custo.

O que resta? O controle sobre os dados. Para isso, o Google oferece ferramentas e tecnologias de sincronização de e-mail (via IMAP/POP3/SMTP), tarefas, contatos e calendários com o Outlook (via Google Calendar Sync) e celulares (Google Mobile Sync).

O Google Apps oferece, assim, um conjunto de funcionalidades básicas de colaboração tradicional equivalentes às funcionalidades igualmente básicas de softwares caros e complexos de se instalar e administrar tais como Lotus Notes, Microsoft Exchange.

Para começar, clique aqui.

Se precisa de ajuda, é só comentar neste artigo!

2 comentários:

razenha disse...

Sem falar que usar o Gmail é 100 vezes melhor que usar o Exchange\Outlook :)

Mauricio Longo disse...

Não poderia concordar mais. Desde 2005 que redireciono todos os meus emails para o gmail.